Incêndio devasta apartamento em Águas Claras e idoso de 72 anos sofre queimaduras: como prevenir tais acidentes

Em um episódio aterrorizante ocorrido no condomínio Max Home Mall, em Águas Claras, um apartamento pegou fogo, causando danos graves e deixando um morador de 72 anos com queimaduras significativas


por Paulo Melo

O idoso, apesar da dificuldade respiratória, conseguiu sair do apartamento por conta própria, mostrando uma resiliência admirável. Este incidente levanta questões importantes sobre a segurança contra incêndios e a necessidade de manutenção regular dos sistemas de incêndio em apartamentos.

As chamas, iniciadas por causa de uma vela, consumiram o segundo andar do prédio residencial, deixando os moradores em estado de choque e lembrando a todos nós a importância de uma prevenção adequada contra incêndios. Mas, quais são as medidas de precaução que precisamos tomar para evitar tais catástrofes? E como a manutenção adequada do sistema de incêndio pode salvar vidas e propriedades?

A manutenção do sistema de incêndio é crucial para garantir a segurança dos residentes em qualquer edifício. Alguns componentes importantes a serem verificados regularmente incluem:

  1. Alarmes de incêndio: O alarme de incêndio é a primeira linha de defesa contra um incêndio incontrolável. A manutenção regular do sistema de alarme, incluindo a substituição de baterias quando necessário, é essencial para garantir que esteja sempre operacional.
  2. Extintores de incêndio: Os extintores de incêndio devem ser verificados regularmente para garantir que estejam totalmente carregados e operacionais. Deve-se garantir que os moradores saibam como usar um extintor em caso de emergência.
  3. Sistemas de sprinklers: Esses sistemas de resposta automática a incêndios são muito eficazes na contenção de chamas, mas apenas se estiverem em boas condições de funcionamento. O sistema de sprinklers deve ser inspecionado regularmente para evitar falhas.
Além da manutenção regular do sistema de incêndio, existem várias medidas de precaução que todos nós podemos tomar para prevenir incêndios:

  1. Evite sobrecarga de energia: Nunca sobrecarregue tomadas ou extensões. Substitua os fios desgastados ou danificados imediatamente.
  2. Cozinhe com cuidado: Nunca deixe comida cozinhando desacompanhada no fogão e certifique-se de que todas as superfícies de cozinha estão limpas e livres de gordura.
  3. Instale detectores de fumaça: Estes dispositivos podem alertar os ocupantes do apartamento sobre a presença de fumaça antes que um incêndio se torne incontrolável.
O incidente em Águas Claras serve como um triste lembrete da devastação que um incêndio pode causar. É fundamental que todos nós assumamos a responsabilidade pela prevenção de incêndios, garantindo que nossos sistemas de alarme de incêndio estejam em perfeitas condições de funcionamento e adotando medidas de precaução para evitar a eclosão de incêndios. Juntos, podemos fazer mais para garantir a segurança de nossos lares e a de nossos vizinhos.

*Paulo Melo é Jornalista, Adminsitrador, Empresário e está Síndico e Presidente do Instituto Nacional de Condomínios e Apoio aos Condôminos - INCC.

Postar um comentário

0 Comentários